Cortes Certificados Hereford são degustados durante Happy Hour da CNA

_UF_8007 Aconteceu na última quarta-feira (25), em Brasília, o evento Happy Hour da carne bovina, realizado na sede da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). A atividade, que contou com a colaboração do Programa Carne Pampa, da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), reuniu cerca de 50 pessoas, entre presidentes de federações de agricultura e pecuária, representantes de associações de raças e frigoríficos e teve por objetivo mostrar o elevado padrão da carne brasileira.

carnes_0“Servimos cinco tipos de carnes, todas elas com características distintas. Da Hereford, os cortes de Entrecot e Picanha estavam muito bem apresentados, oriundos de animais muito jovens, de excelente sabor e maciez. Peças pequenas, fáceis de assar, realmente tops de linha”, informou Marcelo Bolinha, gourmet gaúcho, consultor em cortes de carne e responsável pelo assado do dia.

Organizador da atividade, o assessor técnico da CNA Rafael Linhares reforçou o retorno bastante positivo da atividade entre os convidados, que puderam conhecer os aspectos técnicos da carne, bem como a maneira mais adequada de se realizar os cortes, independente do tipo da raça, degustando, por fim, toda a excelência dos produtos. “Oferecemos ao público cortes de referência em sabor, textura e qualidade”, pontuou Linhares.

Juliano Hoffmann, coordenador dos Protocolos de Rastreabilidade do Instituto CNA, foi categórico ao afirmar: “Pra mim, a carne Hereford é inconfundível, tanto em sabor, como em textura”, opinou.

Joao_martins_3
Presidente da Comissão da Pecuária de Corte da CNA, Antônio Pitangui de Salvo (à esquerda); e Presidente da CNA, João Martins

Carne de qualidade
O momento também serviu para se pontuar a participação da pecuária brasileira no processo de desenvolvimento da economia do país, que tem sido estratégica nas duas últimas décadas, com forte participação no equilíbrio da balança comercial do país, conforme opinião de Antônio Pitangui de Salvo, presidente da Comissão Nacional de Bovinocultura de Corte da CNA.

“A carne bovina brasileira não deve nada a nenhum país concorrente, em termos de qualidade e sabor (…) Quando o brasileiro for a um restaurante ou churrascaria deve pedir sempre a picanha nacional e dizer não a qualquer tipo de carne de outro país”, destacou.

O presidente da CNA, João Martins, também ressaltou a excelente qualidade da carne, que segundo ele, não perde para nenhum outro país tradicional nesse segmento.

Marcelo_Bolinha_0
Marcelo Bolinha no preparo dos cortes Hereford

Por Tatiana Feldens, Ascom ABHB

Com informações e fotos da Assessoria de Comunicação CNA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Translate »